Queridas clientes, a greve dos Correios foi encerrada em 22/09/2020, após 35 dias de paralisação. Com isso, os prazos de entrega devem se normalizar em breve. Continuamos contando com a compreensão de vocês para eventuais atrasos. Para falar com a gente, clique no botão do WhatsApp. Obrigada!

Mães enlouquecem: Medeia, Frankenstein e a revolução | Alessandra Caneppele

R$ 41,90 translation missing: pt-BR.products.product.regular_price R$ 44,00
Preço normal
Adicionados ao carrinho! Ver carrinho ou continuar a comprar.

Revisitando personagens maternas da cultura do Brasil e do mundo, o livro desenha a maternidade como um acontecimento lógico coletivo e cidadão fundamental para a compreensão do mal-estar de nossa civilização. Questionando a tradição que retrata Medeia como uma mulher infanticida e vingativa, o livro reconhece nessa personagem o destino trágico da mãe em um mundo já totalmente hostil à filiação – e, pela desmontagem da concepção da maternidade como atributo privado de uma mulher, revela a loucura materna como saber sobre as escolhas bárbaras de nosso mundo.

“Iniciadas por Angela Davis, feministas lutam hoje não para colocar mulheres em lugares antes reservados aos homens, mas para construir outros lugares no mundo para todos – o feminino, assim como outros excluídos, não pode ser meramente absorvido pela sociedade vigente, mas traz consigo a mudança histórica.”

Alessandra Caneppele

Paulistana morando em Campinas, Alessandra Caneppele descobriu a psicanálise na adolescência e desde então se dedica a ela: graduou-se em psicologia, fez mestrado e doutorado em filosofia e pós-doutorado em linguística, incluindo sempre suas paixões pela literatura e pelas artes plásticas em sua clínica e estudos. Seguindo os passos de Freud e Lacan, estagiou na La Salpetrière, em Paris e estudou estética na Academia Americana de Roma. Mas a percepção de que o mundo no qual sua filha crescia era cada vez mais bárbaro e que era imprescindível se engajar na luta contra isso a levou a redirecionar seu trabalho acadêmico para a produção militante de uma série de artigos sobre nossa subjetividade nacional. Tal inquietação a fez também reconhecer a urgência de se aventurar por um ensaio livre que, falando diretamente aos protagonistas e não aos teóricos, aproximasse o mal-estar das mães ouvidas em sua clínica ao de sua própria maternidade e àquele mal-estar generalizado de nossa civilização. Nessa encruzilhada vital entre a clínica, a mãe e a cidadã, escreveu Mães enlouquecem – livro no qual seu amor pela cultura dialoga com as angústias de nossa humanidade e com o sonho coletivo de construção de um mundo melhor para todos.

Livro: Mães enlouquecem: Medeia, Frankenstein e a revolução

Autora: Alessandra Caneppele
Editora: Piolho e Miolo Editores
ISBN: 978-65-81444-00-6
Formato: 13 x 18 cm
Páginas: 292
Data de publicação: 2019